Referências: Semana Especial Indo à Costureira

Salve Maria! Separei uma lista de indicações para você que pretende ir à costureira encomendar os vestidos. Visitei muitos sites – seria impossível mostrar todos – mas considero os de molde os mais importantes. No exterior é possível encontrar muitos, muitos moldes de roupas modestas, a preços acessíveis [a partir de 4 dólares]. Eles entregam para o Brasil. Clique nas imagens para ter acesso ao site.

Moldes on Line – para baixar e comprar

No site da Revista Manequim é possivel achar alguns moldes gratuitos para baixar. Há poucas opções, mas você pode aproveitar a saia longa de cintura alta e o blazer para começar o guarda-roupa modesto. Você pode comprar a revista todo mês, pois é possível achar opções facilmente adaptáveis à modéstia.

Há também uma loja on line de moldes: você paga para ter acesso ao arquivo. Não acho tanta vantagem, já que sai mais em conta ir comprando a revista.

Na Exacto Moldes, você pode comprar pacotes dos moldes mais básicos, bem como de peças mais trabalhadas:

***

No exterior

Sabe aquelas marcas super legais de moldes, que a gente costuma ver nas lojas vintage? Elas não acabaram – pelo contrário, estão mais na ativa do que nunca, trazendo novidades, vestidos de noiva, tendências da época, como Lady Like. Vale a pena investir nesses moldes – como há muito mercado para a tendência conservadora, você não terá dificuldades de achar algumas opções que atendem perfeitamente à modéstia!

Simplicty: uma das mais antigas… recomendo! Roupas de criança, casacos, vestidos de noiva….

Butterick: clássicos dos clássicos! Vale a pena!

No site da Vogue Patterns, você pode encontrar peças clássicas e contemporâneas, com cortes exclusivos! Incluindo o vestido de noiva abaixo, cujo molde está na promoção por 5 dólares!

O Kwik-Sew é um dos meus preferidos sites de moldes. Lá há muitas opções de vestidos e saias modestas!

O McCall também oferece idéias interessantes:

Compre tecidos on line – Brasil

Se você não mora numa cidade com muitas lojas de tecido, pode tentar nessas lojas on-line achar o que precisa. Eles vendem a partir de 1 metro.

G.J. Tecidos on line

Loja dos Tecidos

Crie Laca

A Laca é uma loja interessante: mas, muito, muito cara. Funciona assim: você cria o próprio modelo do seu vestido, escolhendo o tecido, tamanho e tipo de mangas – enfim, tudo como uma estilista. Depois, você paga [caro] pelo modelo e recebe pelo correio, depois de indicar as medidas. A idéia é interessante, mas só para quem pode desembolsar uma graninha. O trabalho, no entanto, é de altíssima qualidade.

Tutorial e Indicações

Como cortar uma saia godê dupla

Blog Aprendiz de Costura

Loja de Modelagem

Tipos diferentes de pregas p/saias

Blog Ponto a Ponto

***

É isso… sempre que possível, vou indicando novas coisas. Fiquem com Deus e a Santíssima Virgem!

E então… você vai na costureira?

Chegamos ao fim da Semana Especial “Indo na costureira”… havia muitas outras coisas que gostaria de dizer a vocês, mas é fato que ainda poderemos dividir muitas  idéias aqui no blog! Quando comecei a planejar esta semana, no mês passado, separei tantas coisas que não terminaria de postar até o São João. .. O resultado: eu agora tenho mais duas pastas de favoritos, com pelo menos uns 70 sites diferentes; pelo menos umas 200 fotos no meu computador; muitas anotações… realmente, como uma semana passa depressa!

Como a proposta do meu blog é “mande fazer você mesma”, posso dizer que aprendi muito pesquisando. Agora fica mais fácil ajudá-las; e tenho certeza de que a coisa ficou mais clara para muitas. Se eu não páro em cada post para dar todas as dicas de como encomendar a peça, é por uma profunda falta de tempo. Este blog se mantém mais atualizado porque eu planejo quase uma semana toda de uma vez – mas sempre que possível trarei novas informações que poderão ajudar todas nós no caminho pela modéstia católica.

O que eu quis dizer com tudo isso é: não é tão difícil. É preciso começar – isto é o mais duro – mas depois as coisas vão se ajeitando, até porque com toda certeza Nossa Senhora envia graças especiais para superarmos os obstáculos. Só não esqueçam da importância destes obstáculos: afinal, queremos a modéstia ou não? É por mim que estou fazendo isso, ou para a maior glória de Nossa Senhora, que em Fátima falou sobre as modas indecentes deste século?

Poderíamos nos questionar: será que é tão complicado nos vestirmos tão bonitas e modestas? Não é mais interessante este vestido do que a calça sem graça? Ora, se fosse meramente esta questão, todas as mulheres estariam modestas. De fato, é mais bonito. Mas a moda imodesta, infelizmente, arrastou todas nós, e a que preço!

Sei que muitas olhavam a costureira como um projeto mais distante do que próximo… comecei este blog há 7 meses, desde o inicío incentivando vocês a copiar os modelos – porque, realmente, não há explicação lógica para eu postar estas roupas lindas, se sei que isto aqui é uma outra realidade. Uma realidade que a gente não vê nas ruas e não encontra nas lojas.

Claro, há uma pesquisa muito grande da minha parte para encontrar tantas idéias diferentes.  Uma moça uma vez me perguntou “Realmente, como você faz para achar tantas roupas modestas? Quer dizer, de onde sai isso tudo?” Como eu disse: você tem de saber o que está procurando para encontrar. Se você realmente procura a modéstia, você vai encontrá-la.

Como todas as coisas – aliás, como as melhores coisas, já que as coisas ruins estão por toda parte – a modéstia pode ser encontrada nos seus devidos lugares, se você sabe as características dela. Então, você sabe que ela não estará, por exemplo [com tão raras exceções que eu nem deveria mencionar], nas celebridades. Conhecendo a virtude, você sabe que não é lá onde ela mora. E como se faz para achar saias abaixo do joelho? Procurando saias abaixo do joelho, oras! Quer coisa mais simples? Se você quer achar opções dignas, terá de saber o que é se vestir com dignidade, e então começará a perceber onde estão essas opções. Imagine que você está caminhando pelo shopping – da maneira como normalmente você caminha. Se depois do passeio eu lhe perguntar quantas mulheres ruivas você viu, talvez me diga que não se lembra de nenhuma; mas se você entrar no shopping determinada a contar quantas ruivas verá nas próximas horas, se perguntará como podem haver tantas num só lugar!

Espero que você vá a costureira, esse mês, ou no São João, ou amanhã se possível. É feminino, é interessante, é coisa de mulher mesmo [ e também é cansativo, não poderia negar]. Ás vezes eu gostaria de ter um ateliê somente para não frustrar as mais inseguras com a costureira, e que atendesse para todo o Brasil! Eu fico daqui imaginando e pedindo: por favor, que a primeira costureira das moças não estrague os vestidos delas, para que não desanimem! Mas… eu realmente não posso fazer isto. Se der errado, você terá de tentar de novo. Eu tentei.

Compre um tecido básico, escolha um modelo simples e arrisque. Quero dizer: você arriscou muitas coisas antes. Coisas que não deveria e nem poderia ter arriscado. Então verá como o sacrifício vale a pena, e como você tirará boas coisas desta iniciativa. Você tem escolha: pode se vestir de saia, se quiser, todos os dias; todos os dias usará vestidos. Isto é quem você é. As pessoas não podem tirar isso de você, só porque elas não são assim.

Ninguém pode me obrigar a alisar meu cabelo, só porque é o que todas as meninas com cabelos cacheados ou crespos estão fazendo todos os dias- e somente porque o mundo deseja eliminar as diferenças. Se fala muito sobre “aceitar as diferenças”, mas somente se eu me vestir como todo mundo, meu cabelo tiver menos volume, meu corpo estiver mais magro, e eu for mais jovem do que 40. Pois tenhamos em mente: o mundo não aceitará os seus 40 anos – já não terá mais ninguém na publicidade com quem você se identifique – mas o que você vai fazer quando chegar neles? Fará como a maioria, que tenta diminuir 5 ou 10 anos? Ou terá de caminhar com eles, aonde quer que vá? Tem como deixar 15 anos em casa naquele dia, só porque o mundo deseja as mulheres mais jovens ? É claro que não! Então por que algumas mulheres deixam a saia modesta em casa somente para não ouvir os comentários das pessoas?

Pois não poucas moças se decidem pela modéstia, mas não podem suportar ser isto TODOS os dias. As pressões são enormes, pois sabemos que o mundo não está aceitando isso… quer dizer, ninguém vai impedì-la de caminhar na rua, mas todos vão saber quem você é; mas se é isto o que o seu coração está pedindo, por que não luta por isso? Se eu sou uma mulher que só aceita se vestir com modéstia, eu vou ter que levar isto para todos os lugares, pois eu não posso sair sem eu mesma. Uma mulher com oito filhos sabe o quanto a sociedade pensa que sua família é um absurdo – mas ela não poderá sair na rua apenas com dois filhos por vez, para não chocar o mundo do planejamento familiar. Se você é modesta, não tenha medo de ser quem você é. Use sua saia e vestidos todos os dias, pois todos os dias fazem parte da sua vida, não da dos outros.  

Faço votos de que todas, TODAS vocês, encontrem uma boa costureira para suas roupas modestas. Fiquem com Deus! Salve Maria Santíssima!

 

Ps: Este fim de semana sai o post com as referências da Semana, estou acrescentando ainda. Paz!

Guia de tecidos para as suas roupas

Neste post, uma breve exposição de alguns dos mais populares tecidos para confeccionar suas roupas. Aqui separamos por estações: apenas para organizar melhor, pois sabemos que é perfeitamente possível usar alguns tecidos o ano todo. 

Para aprender de verdade a comprar tecidos só há uma alternativa: começar a comprá-los. Esta é uma apresentação dos mesmos; ocorre que a mulher vai ficando experiente no assunto, e já começa a perceber quando um tecido é de boa ou má qualidade! Há diferença também de acordo com o fabricante e a composição. Nenhum glossário pode dar conta com eficiência completa.

Os nomes dos tecidos às vezes podem nos confundir um pouco… por exemplo, o tricoline. Existem muitos tipos de tricoline: 100% algodão, misto [60 ou 70 % algodão e 30% de poliéster, mais indicado para toalhas de mesa, por exemplo, pois é mais rústico], com elastano [97% algodão e 3% de lycra], e outros… para roupas geralmente se usa o 100% algodão ou com lycra.

Conhecendo as lojas de tecido da sua cidade é possível aprender algumas coisas… toque os tecidos, sinta a textura, observe a descrição da etiqueta. Aqui em Salvador as lojas ficam concentradas no Centro… eu vou mapeando onde encontrar determinados tipos de tecidos – já não se encontra tudo em uma loja. Eu também já tenho minhas preferências: prefiro tricoline de tal loja, pois o fabricante é melhor [a composição, no entanto, é a mesma]. 

Não é tão difícil… é que há muitos, muitos tipos de tecidos! Quando se acostumar você achará tão incrível, que visitar lojas de tecidos de outras cidades será uma atração à parte nas viagens, como levar um pequeno tesouro. Agora, vamos aos tecidos!

Primavera-Verão

Crepe

Há vários tipos de crepe: o comum crepe chiffon, de seda, crepe georgette… estes últimos são mais fáceis de serem encontrados em lojas de tecidos finos. Todos são bons para vestidos, por exemplo, e blusas… porque são soltinhos, fluidos, não precisam passar [daí a praticidade]. Como é um tecido leve, pode ser usado para fazer blusas de mangas longas [como nos modelos abaixo], pois enfrenta melhor o calor do que se fossem feitas de algodão.


Chiffon

O Chiffon é um tecido fluido, muito usado em vestidos de festa.

Ele é meio transparente, por isso é importante usar combinação ou forro por baixo. É excelente para fazer roupas com camadas, pois ele não tem muito volume… as camadas caem e tem aquele efeito levinho… muito delicado. Claro, há vários tipos de chiffon… chiffon de seda, por exemplo. Mas as características são parecidas.

Renda e Organza

A renda não necessita de explicações… é muito conhecida. É possível criar peças interessantes e românticas com os dois tecidos – mas é preciso tomar cuidado absoluto com a transparência. A transparência pode ser muito sensual: portanto, é preciso de forro para proteger o que deve estar coberto. De nada adianta usar uma blusa de organza de mangas longas e uma camisetinha de alça por dentro… ´

Para quem não conhece a organza é o tecido da foto abaixo, que como podem ver, é realmente transparente… é um tecido para dar em efeito interessante numa blusa ou vestido modesto, como uma capa… pensem nisso quando forem fazer suas roupas!

Laise e Cambraia

Laise [ou Lese] e Cambraia são tecidos de algodão, que tradicionalmente são encontrados em versões bordadas nas lojas. Por causa dos “furinhos”, pedem uma blusa por baixo, ou forro. São muito femininos e delicados, ficando também excelente para roupinhas de criança!

Musselina ou Musseline

Outro tecido bastante usado nas estações quentes, por ser bem levinho… é meio transparente – ou seja, tem de ter o forro.

Linho e Lã Fria

O linho é um tecido muito versátil, e eu acho que combina igualmente bem como o outono-inverno – se na sua cidade não for realmente muito frio. A lã fria é uma lã tropical, excelentes para conjuntos de saia e blazer a serem usados no verão.

 

Outono-Inverno

Tweed

O tweed é um tecido muito sofisticado – é uma lã grossa  que esquenta bem. Fica melhor em conjuntos e blazers, embora seja possível fazer alguns modelos de vestido com ele (apenas, por causa da rigidez, é preciso observar bem o caimento).

Lã, Tricô e Crochet

São boas opções para casacos, cardigãs e variantes… a lã é clássica e pode proporcionar conjuntos e vestidos elegantes. Já o tricô e o crochet precisam de cuidado e forro, na maioria das vezes, se for fazer saias ou vestidos. Como boleros e casaquetos, as peças de crochet e tricô podem ser furadas, se usadas por cima de peças modestas.

Gabarine

O gabardine é um tecido muito versátil, que pode ser encontrado de algodão ou de fio sintético [poliéster], e também com lycra. É muito utilizado para fazer casacos, sobretudos e conjuntos.

Jacquard e Brocado

Tecidos nobres, com certo brilho nas estampas e um pouco de relevo. Os dois são bem parecidos. Você pode fazer saias, vestidos, casacos… também esquenta bem, e é ideal para a noite.

 

Ao longo da semana, você também pode ver, através das indicações para as peças, muitos outros tipos de tecidos! E há tantos mais… as lojas oferecem muitas variedades – muitas vezes de acordo com a época. Isto e, é muito mais fácil achar os tecidos de frio agora que o outono chegou.

Aproveite a ida às lojas para ir se familiarizando com eles… espero que tenham gostado.

Salve Maria!

Peças: clássicas e formais.

Peças para ocasiões formais ou simplesmente se você gosta de usar peças clássicas para estar sempre modesta e bem vestida.

Trabalhar fora e se vestir bem já não é mais sinônimo de “recato e formalidade”. Há dez anos, eu me lembro da quantidade de ocupações femininas que traziam a saia como uniforme – recepcionistas, atendentes, demonstradoras, secretárias… para onde eu ia, quando menina, lá estavam as mulheres, de uniforme e de saia. Eu tenho isto na memória, e tenho certeza de que a maioria também…

É impressionante como as coisas mudaram… antigamente, se recomendava vivamente que os braços estivessem cobertos e que a saia passasse dos joelhos. Também era pouco comum que os uniformes adotassem a calça… realmente, é uma outra realidade em tão pouco tempo.

Com toda certeza, reconhecemos a necessidade de algumas mulheres de trabalhar fora. As mulheres católicas sempre trabalharam fora quando tinham real necessidade – embora raramente neste regime absurdo que vemos hoje, e nunca as mães de família com muitas responsabilidades para dar conta. Atualmente eu ensino numa escola, três vezes por semana. Não pretendo trabalhar [fora] tão logo venha meu primeiro filhinho… pois é certo (se Deus me der as graças): depois do primeiro logo virão os outros [antes que o primeiro sequer saiba falar]. E como é possível para a mãe se separar do bebê? Ademais, sabemos como andam as pessoas do mundo aí fora; ou pior: não sabemos. Nem temos como.

Aqui, algumas pequenas sugestões para você: aproveite, pois tem muitas idéias! Eu gosto muito deste estilo, e não é só para quem trabalha não. A dona-de-casa também pode tirar muito proveito, afinal, ela também tem muitos compromissos sociais.

 Saia útil

 Uma saia bem básica para diversas ocasiões… ela não tem muito volume, mas ao mesmo tempo ficou muito modesta com estas pregas e no formato “A”.

Sugestões de tecido: chambray, tricoline, linho.

 

 

Vestido modesto e discreto

Acima e abaixo: trata-se do mesmo modelo de vestido, em cores diferentes. O fato de ter alguns detalhes – pregas, franzido, cinto – é importante: a peça lisa talvez ficasse um tanto sem graça! Este, feito de tricoline algodão.

Mais vestidos para você

 

Blusa feminina e clássica

Esta está na minha lista… o desenho técnico pode ajudá-la a perceber os detalhes da peça.

Estampa e Cores

Estampa no trabalho? Por que não? Se você souber escolher modelos como estes, estará muito bem vestida..

Sugestões de tecidos: linho tingido, jeans estampado, chambray.

Saia rosa: com sobriedade

Uma saia de algodão com elastano… rosinha, num tom que poderá combinar com várias blusas formais. Aproveite a idéia!

Peças: blazer e blusa

Sofisticado

Muito chique, este conjunto é um ótimo aliado para ocasiôes especiais. Faça de tweed ou lã.

Blusas básicas e vestidos

Acima, mais um vestido da minha lista!

Outras idéias para um guarda-roupa formal e modesto:

Indo no armarinho…

Se tem uma coisa que me alegra é ir no armarinho… no centro de Salvador tem até alguns bem servidos – pena que são miúdos, daí eu ter de acordar bem cedo para chegar neles na hora que abrem – caso contrário é pior que feira! Você sabe onde ficam os armarinhos da sua cidade? Costumam ficar próximos às lojas de tecidos, nos centros … aqui até os shoppings tem, só que acho que o preço não compensa.

No armarinho não se compram apenas botões… ainda que assim fosse, você teria muito o que olhar! Há botões que são tão bonitos que você pode querer inventar uma peça apenas por causa deles… para quem nunca foi em um armarinho, eis uma amostra básica das coisas interessantes que nele há – e que podem ser excelentes complementos ou pelo menos uma inspiração para as suas roupas modestas.

Botões e outros acessórios

Há botões de vários tipos… O Grande Livro da Costura traz uma breve explicação sobre alguns, portanto dê uma olhada para saber identificar o botão da peça que você gostou… há diferenças básicas pela maneira como o botão é pregado na roupa; é importante também conhecer o que são “colchetes de pressão”, que nós também comumente chamamos de botões. E os colchetes de gancho… são ótimos aliados em casaquetos, por exemplo…

[Clique para ampliar:]

Eu gosto muito de usar botões forrados… a maioria dos armarinhos tem esse serviço, e o preço varia conforme o tamanho do botão. Costuma ser barato, numa média de 10 a 50 centavos. Você deve levar retalhos do tecido que deseja para forrar os botões… pode deixa isso a cargo da costureira, já que é comum ela fazer isso, mas é sempre bom saber estas coisas.

botões forrados

Geralmente, o mesmo lugar que oferece o serviço de forrar botões, oferece igualmente o de colocar colchetes de pressão e de gancho. Lembre-se de sempre comprar uns 3 botões a mais do que a conta certa para a roupa que encomendar: caso algum botão caia nos próximos meses, e se perca, você já tem como repor… guarde na sua caixinha de costura!

Abaixo, o indispensável zíper invisível:

Fitas e Bicos

Esses pequenos detalhes são tão inspiradores… muitas mulheres fazem belos artesanatos usando diferentes tipos de fitas. Eu mesma sabia bordar toalhinhas com fitas de cetim… talvez seja um dos bordados mais fáceis, pois não demoramos muito para ver o resultado.

As fitas de cetim podem ser dupla-face ou não. Dupla-face quer dizer que  os dois lados tem a superfície lisinha, ou seja: não tem lado avesso. Se vai usar as fitas para dar laços na roupa, essa é a melhor opção. Se vai costurar a fita na roupa, não precisa.

De outra página do Grande Livro da Costura, você vê as principais fitas para a confecção de roupas e acessórios:

Abaixo, uma galeria de coisas interessantes para as suas roupas:

As sianinhas podem ser detalhes fofos em roupas de criança e mocinhas…

Bicos de renda: não apenas no véu da Santa Missa! Aplique em vestidos, saias, blusas…

 As fitas e bicos estão cada vez mais comuns em roupas e acessórios inspirados na moda vintage. Acima, fita de voal.

Viés

O viés serve para dar um acabamento nas peças… pode ser encontrado liso ou estampado, como na foto acima. Você pode fazer uma blusa branca, por ex., e colocar o acabamento estampado azul, de flores delicadas. Abaixo, o contraste das cores do vestido e do viés ficou bem interessante:

Peças especiais

Você poderá fazer peças especiais, a medida em que for adentrando nesse mundo de encomendar suas roupas… cada peça será única: de fato, uma criação sua!

Acima: blusa bordada.[se for copiar o modelo, feche esse decote absurdo e aumente as mangas]

***

O bico francês é parecido com o bico de renda [este último também chamado de bico de nylon].

Tenho uma blusa branca com bico francês: linda! 

Abaixo, o conhecido “passa-fitas”, que tem esse nome justamente porque é feito para uma fita de cetim passar por ele [nesses buracos]. Você pode misturar algumas tonalidades, para criar um efeito mais interessante.

O aplique abaixo é conhecido como “rococó”, e é bastante comum em artesanato e roupas de menina… com equilíbrio é possível aplicá-lo em peças mais adultas.

Gostaram?

Agora, só indo ao armarinho para ver o resto!

Salve Maria!

Peças: básicas

Dificil dizer quais peças básicas são mais importantes… algumas mulheres querem logo ter “o vestido dos sonhos”! E olha que foi assim comigo no início da minha mudança: ao invés de fazer uma listinha parecida com a que postei ontem, eu fiz logo um vestido estampado que eu queria muito! Como eu não podia variar muito com ele, nem usá-lo tantas vezes, logo elegi algumas peças mais práticas!

Como aqui queremos atender também as que querem coisas novas, vejamos algumas opções para você que faz o estilo básico, ou simplesmente quer incluir mais algumas coisas na lista! 

Conjunto Feminino

Acima, saia godê + blusa de malha… [achei a blusa um pouco justa, mas isto é algo que pode facilmente ser modificado por você].

O visual monocromático foi quebrado pelos detalhes – tanto da saia quanto da blusa… Olhe aqui:

Achei realmente uma graça… eu já falei isso antes, mas não custa lembrar: o forro ou anágua tem de ser apenas 2 ou 3 dedos mais curto que a saia… fica realmente deselegante quando a saia é longa e o forro pequeno (além de imodesto). Quando estamos à luz do dia então… um horror! Esta saia tem o forro curto demais: não repita o erro.

***

Vestidos Fáceis de fazer

**As imagens que trazem o “desenho técnico” da peça, como o vestido abaixo, foram tiradas de sites que vendem moldes no exterior… as informações e sugestões de tecidos são do próprio fabricante do molde. **


Vestidos para o dia-a-dia, faculdade.. conforme os acessórios, eles podem se tornar ainda mais interessantes. Acima, um modelo fácil de ser providenciado… com um cardigã ele pode compor outro visual na mesma semana! Com um cinto, já fica bem diferente!

Abaixo, o vestido branco poderia ser substituído pela tonalidade cinza, por exemplo [a cor branca suja muito, e o modelo pode acabar sendo revelador]. Com encharpe, lenço no pescoço, cinto de tecido… e você já terá uma boa diferença!

***

Uma blusa branca é importante

Ela vai simplesmente combinar com todas as suas saias. Não é pouca coisa! Deixará a saia estampada mais sóbria, e as lisas mais formais. É uma excelente opção quando eu estou muito apressada para sair! Abaixo, um modelo fofo, com laço e detalhes nas golas e nas mangas [um biquinho rendado + elástico + fita]. Amei!

***

Conjuntos para todas as ocasiões

Reunião em família, Santa Missa, trabalho… estes conjuntos são bons para cada uma destas ocasiões, e quando você tiver de sair de um lugar para o outro…

***

Elegante e chique, o modelo abaixo é uma boa opção para quem está começando um guarda-roupa modesto: não tem erro!

***

Vestido Envelope

O vestido envelope pode ser ao mesmo tempo: básico, formal, romântico e contemporâneo… você pode ir a todos os lugares com ele, e estará bem vestida… Cuidado absoluto no decote: faço-o bem fechado, ou proteja com uma blusa por dentro.

***

Um conjunto bem modesto

 

O bolero é bem feminino; este modelo – com o botão em cima – é o ideal para recuperar blusas ou vestidos decotados, pois protege a região do colo e não apenas os braços. O bom de fazer um conjunto assim é que é possível criar muitas combinações com outras peças… a idéia do desenho em rosa ficou uma gracinha!

***

Vestido para o trabalho

Vestido confortável e básico para o trabalho: ele tem mangas longas e comprimento comportado numa estética mais contemporânea.

***

Saias

Básica e feminina! Na foto, nos dá uma bela idéia de como fazê-la estampada e sóbria ao mesmo tempo…

Saia envelope e saia falso-envelope [abaixo]: faça uma para você!

Mais idéias para o seu guarda-roupa básico

Fiquem com Deus…

Salve Maria!

Peças: românticas

Salve Maria!

Peças românticas, com babados, laços, apliques, feitas em tecidos fluidos… são muito femininas. Eu gosto bastante! Com certeza, se pensa como eu, você irá apreciar a ida ao armarinho, onde podemos encontrar toda sorte de enfeites delicados para as nossas roupas…

Encomendar as peças nos traz essa possibilidade: vamos deixando a peça do jeito que a gente quer… do nosso jeito!

Nem sempre o nosso estilo está “na moda”, não é mesmo? Basta pensar na modéstia… sendo você a estilista, já pode pensar, com cuidado, nas peças que melhor combinam com você. Acima: vestido básico com babado na barra.

A seguir, uma pequena seleta de idéias para você se inspirar! Quando a gente não está com o *molde* da peça nas mãos – mas apenas uma imagem da roupa, ou o desenho da mesma – , temos de visualizar o modelo para ficar mais ou menos parecido… nunca igual. Aliás, nem com o molde fica 100% o mesmo, embora fique realmente próximo. Aqui você pode ver exemplos de vários estilos diferentes de roupas – e assim ir decidindo o que te cai melhor. 

Conjunto meigo

Conjunto de saia + blusa, feito de chiffon estampado: por baixo, anágua e blusa forrada para proteger da transparência. Note os babados nas duas peças: apesar de ter muitos detalhes, o conjunto está equilibrado. A saia é evasê com falso envelope [o efeito dos babados na saia].  Veja as duas peças mais de perto [clique na imagem para aumentar]:

Blusa com decote “V” arrendondado, babados na gola e na barra da blusa.

***

**As imagens que trazem o “desenho técnico” da peça, como o vestido abaixo, foram tiradas de sites que vendem moldes no exterior… as informações e sugestões de tecidos são do próprio fabricante do molde. **

Vestido Simples

O interessante é observar como há outras possibilidades para o mesmo modelo, o que nos dá algumas idéias…por isso eu gosto bastante de visitar esses sites que tratam de costura/moldes [vai sair um post com a indicação da “bibliografia” da Semana Especial Indo à costureira, fiquem tranquilas, eu vou indicar tudo]. Este vestido está na minha lista: é simples, delicado… eu gostei muito do cinto de lacinho! Não está simplesmente uma graça para a Santa Missa? Definitivamente. 

***

Saia estampada

Feita de algodão com lycra, esta saia estampada está linda! Ela tem prega macho, cintura de cós largo, e uma estampa singular… uma vez eu li uma estilista comentando que comprou um tecido estampado numa loja de tecidos para decoração e fez uma saia que ficou parecida com essa… se alguém se arriscar!

Vestido Floral

Saia rodada com vários cortes, acabamento na barra, cinto vermelho combinando com o detalhe das mangas… bem no estilo vintage! Dependendo da estampa, pode ficar mais sóbrio, mais “menina”, mais “senhora”… veja o que for mais adequado.

Costas, com o cinto amarrando num laço:

Detalhe aqui:

***

Vestidos fofos

Acima: pode ser usado também no trabalho: observe a outra opção [com mangas maiores e cinto] e veja como está ainda mais interessante!

Já o modelo abaixo está uma graça… a manga pode ser feita um pouco maior, mantendo o formato – fica interessante para as mocinhas, por exemplo, pois dá um ar de boneca! [É o vestido da Cynthia! Rs…]

***

Blusa e Casaquinho

Blusa de algodão com elástico na barra e nas mangas: tem de diminuir o decote em “V” [particularmente, não entendi os botões no decote…]. Mas, enfim, a blusa bonita e você pode fazê-la estampada, por exemplo…

[clique para ampliar]

O casaquinho abaixo está na minha lista… é feito aberto, sem botões, e com este belo bordado…

Mais detalhes aqui:

 

Você pode mandar bordar a peça numa loja especializada, comprar o bordado pronto e pedir para fazer uma aplicação… a ideia dá para ser aproveitada!

***

Saia com barra

Uma saia perfeita para as moças: a barra rendada deu realmente um toque todo especial à peça!

***

Mais idéias para o seu guarda-roupa romântico:

 

Conjuntos lindos, ótimos para ocasiões formais… podem ser feitos de lã, linho, microfibra, tweed… o primeiro traz um babado diferente! Abaixo, outro modelo que pode ser feito com os mesmos tecidos, ou mais leves – como tricoline, cambraia…

 

Gostaram?

Espero que sim! Fiquem com Deus… aguardem as outras peças!